Inscrições abertas para curso de formação em dança contemporânea

A Escola Livre de Dança está com inscrições abertas para a nova turma do curso de Formação Intensiva em Dança Contemporânea. No total são oferecidas 35 vagas e podem participar maiores de 17 anos. As inscrições podem ser feitas até o dia 28/02 exclusivamente na plataforma CulturAZ: http://culturaz.santoandre.sp.gov.br/projeto/328, que disponibiliza também mais informações sobre o curso através da convocatória publicada.

Segundo os responsáveis, trata-se de um curso técnico-experimental e busca uma formação investigativa, mantendo em seu currículo disciplinas que contemplam a criação e autonomia, mas priorizam a técnica, não como código de dança, mas como ferramenta que dará o suporte para realizar o exercício de fazer, fruir e ler dança. O plano de curso é regido por uma pedagogia livre, adotada desde sua criação, baseada na pesquisa.

Com duração de três anos, o curso tem em seu currículo as disciplinas: anatomia experiencial, história da dança, danças brasileiras, técnica de dança para cena contemporânea, técnica clássica para cena contemporânea, presença cênica, pedagogia experiencial, educação somática, criação em dança e sistema Laban. As aulas são ministradas de segunda a sexta-feira, das 18h30 às 21h30.

ELD – A Escola Livre de Dança é um projeto da Secretaria de Cultura da Prefeitura de Santo André com acesso gratuito. Seu objetivo é estimular o fazer criativo para interesses diversos, além de contribuir com o percurso formativo de artistas que pretendem atuar na cena da dança contemporânea ou ter domínio e consciência do corpo para atividades expressivas, autorais e criativas. O endereço é Rua Eduardo Monteiro, 410, bairro Bela Vista.

Mais informações pelo telefone 4438-5021 ou pelo e-mail: centrodedancadesantoandre@outlook.com.

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.