Movimentação nos meios políticos

Boatos dão conta que, muita coisa tende a mudar nos próximos dias na política de São Caetano, em se tratando de apoio irrestrito ao atual prefeito José Auricchio de boa parte dos vereadores que todos julgavam independentes. Não se sabe ao certo, mas, reunião com o presidente do Legislativo Pio Mielo e o prefeito Auricchio (e alguns vereadores que agora estão alinhados na base governista), na residência do primeiro no último final de semana, dá claros sinais de que irão enterrar de vez qualquer candidatura que não seja do grupo nas próximas eleições, para deputados e na de 2020, quando ocorre novamente a de prefeitos e vereadores. Muita gente vai ficar de fora, é o que está sinalizando o grupo…

Discurso inflamado…

O vereador Anacleto Tite Campanella, líder do prefeito na Câmara, recebeu apoio de todos os vereadores e do próprio presidente Pio Mielo, depois de seu discurso inflamado, onde fez colocações de arbítrio ocorrido com o ex-prefeito Anacleto Campanella, seu pai, durante o regime militar quando foi cassado seus direitos políticos em meados do ano de 1964 por 10 anos, e não aceitando tal arbítrio, veio a falecer prematuramente com apenas 49 anos de idade. Em seu discurso, o vereador lembrou que, pela primeira vez em toda a história do Legislativo sancaetanense um vereador, eleito pelo voto direto foi processado por defender a população no recinto da casa de leis municipal. Tanto o vereador processado, quanto o líder do prefeito, receberam apoios de toda a bancada e da mesa diretora que colocou a disposição o departamento jurídico para defender o vereador.

Lula é um empecilho…!

O ex-presidente Lula pode ser um empecilho para as pretensões do Partido dos Trabalhadores – PT, se teimar em sair candidato a presidente em 2018, depois de mais uma condenação, a sexta, dentro da operação Lava Jato. Parece que o Juiz Sergio Moro, não pretende dar muita moleza e nem os promotores que pediram para a justiça aumentar sua pena de 9 anos e meio na sua primeira condenação em primeira instância. O temor dos dirigentes do PT é a de que Lula perca a eleição e o partido fique a deriva e não consiga eleger seus principais candidatos a governador e deputados estaduais e federais nos Estados, ficando a deriva e sem muita representatividade no Congresso. Mais ainda, porque o ex-presidente durante esta semana foi condenado também no caso do sítio e espera sua sentença.

Deputado dorminhoco…

Tem políticos que já passaram da hora de pendurar as chuteiras. Muitos pelo que não fazem nada para a população, tem os que são os denunciados que deveriam estar longe tanto da Câmara como do Legislativo e tem aqueles que já estão cansados de tantos mandatos contínuos que dormem durante as sessões da Câmara Federal. A população está muito bem representada pelo deputado dorminhoco, Arnaldo Faria de Sá – São Paulo, também conhecido como o mais festeiro, visto que só aparece na região quando há festas. Sinal que os aposentados que diz ele ser o representante devem procurar o mais rápido possível um novo nome para representá-los, e de preferência, não durma em plenário. Renovação, é mais que importante para banir os deputados mais velhos e aqueles que foram denunciados e se mantém nos cargos através de liminares. Que acabem de vez com o foro privilegiado. Político é igual a população e deve receber a mesma punição se cometer algum crime.

Pendurou as chuteiras

O ex-prefeito Paulo Pinheiro (PMDB), no último domingo durante solenidade em comemoração ao aniversário de 140 de São Caetano do Sul no plenário Câmara Municipal, declarou que está fora da política e não tem pretensão alguma de se lançar candidatura nas próximas eleições, o que deveria ter acontecido há muito tempo, depois de 16 anos sem nenhum projeto na Câmara Municipal e uma administração repleta de erros. De acordo com o Pinheiro, a única coisa é que ele pode fazer é ajudar algum candidato do partido nas eleições e é só. Pinheiro participou da cerimônia fazendo parte da mesa solene, juntamente com o prefeito José Auricchio, presidente da Câmara, Pio Mielo, vereadores e convidados.

Samuel Oliveira é Jornalista e conta o que de melhor (ou pior) acontece nos bastidores da política da região do ABC.

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.