Cães e homens: na saúde e na doença

Você já parou para pensar que os cães, além de companheiros amorosos, fofos e lindos, podem nos ajudar a tratar e a prevenir problemas de saúde? Eles são sensacionais mesmo!

Já existem diversas pesquisas que confirmam, por exemplo, que crianças que crescem com animais de estimação como cães e gatos desenvolvem um sistema imunológico mais forte, o que diminui cerca de 77% as chances de a criança desenvolver alergias. 

Ter um cão demanda várias responsabilidades, dentre elas, o passeio. Ter um peludo ajuda no combate ao sedentarismo que, por sua vez, ajuda na prevenção da obesidade e das doenças que a acompanham. Os pets também são ótimos auxiliares no tratamento de estresse e depressão.

A convivência com os peludos não só reduz a solidão, tensão e ansiedade como também melhora o humor. Pesquisas afirmam que o convívio com eles é capaz de aumentar a produção de hormônios como a serotonina que influenciam no nosso humor e sensação de bem-estar. 

Até pela incrível capacidade de aumentar nossa sensação de conforto, existem muitos trabalhos sociais envolvendo os peludos, como visitas em asilos e até em hospitais, justamente com o propósito de levar estes benefícios a quem está passando por alguma dificuldade. 

Os cães também podem ser ótimos na terapia com crianças autistas, pois eles estimulam o contato sensorial delas, que normalmente é um desafio para pequenos com autismo. Um peludo amoroso e manso pode contribuir muito nesse aspecto. 

Há estudos também que dizem que os cães podem sentir o cheiro de alguns tipos de cânceres, que podem detectar hipoglicemia e até alertar seu dono sobre possíveis convulsões.

Demais, né? Por essas e por outras é que os animais são tão especiais!

Por Amanda Ornelas, adestradora e franqueada da Cão Cidadão

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.