A festa começou! Ninguém alcança mais o timão! Corinthians hepta campeão

Jô o melhor do Brasileirão 2017!

Jô, é o melhor jogador do Brasileirão, quer queiram ou não! Não é craque, mas é efetivo, ajuda na marcação, ganha quase todas as bolas que disputa, seja no chão ou pelo alto, humilde, faz gol em quase todos os jogos, de cabeça, de perna esquerda, perna direita e ainda é o artilheiro do Brasileirão, com 16 gols, alguém pode contestar? Foi um dos destaques do Corinthians Campeão, merece ser considerado o melhor jogador!

E já está na hora de ter uma oportunidade na Seleção Brasileira, que ainda não tem um jogador do seu tipo de jogo, que fica enfiado entre os zagueiros, quando preciso vem buscar a bola e está sempre presente na marcação, além de ser um artilheiro mor, principalmente dentro da área.

A “culpa” do Timão ser Campeão antecipado, é dos seus adversários, que contrataram por “baciada e não trouxeram ninguém de qualidade”.

O Corinthians fez um excelente primeiro turno, porém deixou muito a desejar neste segundo turno, com raras exceções, como foi neste jogo, no segundo tempo diante do Fluminense, que acabou presenteando o Timão com esse Hepta antecipadamente.

Lógico que Cássio foi um dos destaques também, como a zaga, Balbuena e Pablo que foram acima da média, onde o Guilherme Arana foi um dos maiores destaques no primeiro turno, caindo muito de produção neste turno, devemos destacar também a obediência do Romero, na marcação, na composição tática do time, mas, também no ataque quando ajudou muito com alguns gols, além do Fagner muito efetivo principalmente nos contra ataques e assistência com seus cruzamentos.

No meio campo, a eficiência do Gabriel, mesmo exagerado em alguns momentos na sua marcação, Rodriguinho e Jadson formaram uma boa dupla, nem sempre com muita criatividade, porém o suficiente para fazer a bola chegar ao ataque com eficiência, além de gols importantes.

Clayson teve seus dias de glória com seus gols e ajudou e muito o ataque corintiano principalmente neste jogo com a participação nos gols do Jô.

Pedro Henrique, Camacho, Marquinhos Gabriel, Maycon, que foi titular na maioria dos jogos, também foram destaques e com isso o quebra cabeça foi formado cada um com seu valor e principalmente no destaque com a efetiva marcação.

Muitos outros jogadores deram suas contribuições, sempre no mesmo ritmo, marcação forte e contra ataque rápido, que foi a “fórmula” pontual do Técnico Carille que sem dúvida alguma, mesmo sendo discreto na sua maneira de formar a equipe, muitas vezes demorando em mudar o time, se equivocando em algumas alterações, sendo repetitivo em momentos que precisa ser atuante e imponente, com alterações que poderiam mudar o ritmo da partida, temos que enaltecer e se curvar frente a esse time Campeão, cujo plantel não foi dos melhores, mas também mesmo sendo muito pequeno, conseguiu passar por todos os obstáculos e se sagrar Campeão, então, me curvo e parabenizo seu comandante Carille e seus jogadores!

Mas, repito, reprovo totalmente a maneira que outros grandes times, casos do Flamengo, Palmeiras e alguns outros, fizeram suas “contratações” milionárias e sem efetividade alguma!

Parabéns torcida corintiana, a ma-is vibrante e participativa, com média espetacular de quase 40.000 torcedores, um comparecimento espetacular!

CORINTHIANS HEPTA CAMPEÃO BRASILEIRO, tiro meu chapéu!

36ª rodada do Brasileirão

Corinthians, neste domingo enfrenta o Flamengo às 17hs na Ilha do Urubu, para cumprir tabela, mas pode atrapalhar a vida do time Carioca.

Domingo, 17 horas, São Paulo, faz um duelo interessante com o Botafogo no Morumbi e precisa desses pontos para se encostar ainda mais no Grupo da Libertadores. Sport sem moral depois da goleada sofrida para o Verdão e Bahia com toda moral depois da vitória sobre o Peixe, com certeza os baianos estão com muito mais pique para obter essa vitória.

No Olímpico, o lanterna Atlético Goiano, recebe a Chapecoense que vem embalada pra cima dos goianos para encostar-se à fase de cima e buscar um espaço na Libertadores, jogo já manjado e deve dar o time de Santa Catarina. O Vitória recebe o Cruzeiro no “tudo ou nada” e vai ter muita dificuldade porque o time Mineiro precisa ganhar para ficar entre os quatro da Libertadores, e aí, como fica? Mas, o time baiano mais que nunca só pensa na vitória. Às 19 horas, Atlético Mineiro que faz um péssimo Brasileirão, recebe o Coritiba que luta pra ficar fora da degola, deve ser um jogo truncado e feio, quem sabe um empate.

Atlético Paranaense vai se segurando, mas pode ter problemas ainda nessas ultimas rodadas, por isso mesmo precisa vencer o Vasco da Gama que está na beirada da Libertadores, jogo difícil de opinar, deve dar empate.

Santos, que vem caindo de produção tem que “sujar e muito o calção” para vencer o Grêmio, que está tranquilo, só assim a torcida praiana sossega um pouco senão, vai dar “bololô”.

Na segunda-feira, o Palmeiras, que venceu fácil o Sport no meio da semana, se garante na fase de Grupos da Libertadores, e agora enfrenta o Avaí, às 20 horas, e vai somar mais três pontinhos, acho! Como também o Fluminense que tem sido uma “vergonha” para seus torcedores, vai nesta segunda, às 17h enfrentar a Ponte Preta que está na bacia das almas, não pode dar outra coisa, senão vitória do Flu.

Altevir Anhê é Jornalista e um apreciador do melhor do esporte e comenta em sua coluna o que acontece no universo esportivo brasileiro.

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.