Nova ponte da av. dos Estados em Sto. André tem estrutura quase pronta

Com a ajuda de guindastes, Semasa levará para o local da construção as 18 vigas pré-moldadas, que serão colocadas sobre 44 estacas para a transposição do Tamanduateí; via precisará ser interditada durante todo o final de semana

Dando sequência ao final da reconstrução da ponte sobre o Rio Tamanduateí, neste final de semana dias 9 e 10, o Semasa – Serviço Municipal de Saneamento Básico de Santo André transportará as 18 vigas pré-moldadas que servirão de base para a nova ponte da avenida dos Estados, localizada na altura da rua Augusto Ruschi, no Centro da cidade. Para conduzir as vigas de 30m de comprimento e 40 toneladas cada até o local da obra será necessário o uso de guindaste e carreta. A avenida dos Estados será bloqueada na altura da obra, na pista sentido Mauá, ao longo de todo sábado e domingo.

A maior parte das vigas foi confeccionada em um canteiro a 1 km do local. Elas serão içadas uma a uma por um guindaste até uma carreta, que as transportará até a obra, onde serão novamente içadas e colocadas sobre estacas, fazendo a transposição do Tamanduateí.

Para a realização do trabalho, o trecho da avenida dos Estados entre a rua dos Alpes e o viaduto Adib Chammas, na pista sentido Mauá, e a rua Augusto Ruschi, serão interditadas até 22h de domingo (10). Para a realização do bloqueio, agentes do DET (Departamento de Engenharia de Tráfego), da Prefeitura de Santo André, estarão no local para orientar os motoristas.

Como rota alternativa para Mauá, os veículos poderão acessar a rotatória da avenida Antônio Cardoso, sentido Terminal Metropolitano Santo André Leste, entrar à direita na Visconde de Taunay e entrar na avenida Henri Sanejouand, retornando para a avenida dos Estados.

Construção

A ponte da avenida dos Estados está sendo construída pelo Semasa desde abril, logo após a antiga estrutura entrar em colapso por causa de forte chuva que atingiu Santo André.

Para minimizar o risco de enchentes no local e evitar a erosão nas margens do rio, a nova passagem foi projetada com um vão de 22m, 9 a mais do que a passagem antiga, que já não era compatível com a atual vazão do Tamanduateí. Ela também será 1,2m mais alta que a antiga ponte. A obra vai custar R$ 3,9 milhões e será finalizada em outubro.

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.