Festival de Empreendedorismo da Fiesp acontece neste domingo

Uma boa ideia pode virar uma empresa. E de forma quase instantânea. Esse é uma das atrações do Festemp, o Festival de Empreendedorismo da Fiesp. Com a presença esperada de 5.000 pessoas ao longo deste domingo, dia 12 de novembro, das 9h às 17h na sede da Fiesp, na avenida Paulista, o FestEmp vai ter entre suas múltiplas atrações, todas gratuitas, o Ideathon. Nele, um problema é apresentado aos participantes, que precisam criar uma ideia para resolvê-lo, desenvolver um modelo de negócios para transformar a ideia em empreendimento e apresentá-lo no modelo de pitch, em que os empresários mostram a ideia a potenciais investidores.

O objetivo do FestEmp, organizado pelo Comitê de Jovens Empreendedores da Fiesp, é dar ao público uma nova perspectiva em relação ao futuro do empreendedorismo no Brasil, com um olhar para mudanças inovadoras. E, claro, fazer com que projetos saiam do papel. Dá até para tirar no mesmo dia o CNPJ. O encontro inclui consultorias, atividades ligadas a arte e cultura e imersão sobre temas atuais. Grandes empresários e executivos de sucesso contarão para jovens empreendedores e público em geral suas histórias de sucesso, compartilhando os desafios, tropeços e visões de negócio. Uma das mensagens é que vale a pena não desistir, ainda mais em momento de crise pelo qual estamos passando.

Augusto Milano, presidente da Matec Engenharia, faz palestra às 9h30. O palestrante da tarde (14h45) é Sergio Gordilho, copresidente e diretor geral de criação da premiadíssima Agência Africa.

Além dos casos inspiradores de empreendedores renomados, o Festemp terá workshops com temas atuais e cada vez mais vitais aos negócios, como a tomada de decisões e a gestão de tempo.

Haverá também 11 painéis, com temas que vão das novas formas de empreender aos avanços e desafios da Indústria 4.0.
O edifício-sede da Fiesp fica na Av. Paulista, 1313 – SP.

Deixe seu comentário

Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Jornal Imprensa ABC. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos usuários e a conta do Facebook do autor poderá ser banida.